top of page

Suplementos de proteína: saiba mais!


pó de whey protein

Suplementos proteicos estão entre os suplementos mais populares. Muitas pessoas utilizam, mesmo sem quaisquer prescrição nutricional ou médica, geralmente com o intuito de favorecer os resultados desejados com a prática de exercícios físicos.

A proteína é o nutriente responsável pela construção de músculos e colágeno, fortalecimento do sistema imunológico, produção de hormônios e por garantir mais saciedade ao longo do dia, fator que impacta positivamente o emagrecimento e a manutenção de um peso corporal saudável.

Whey protein (proteína do soro do leite), proteína vegetal e proteína da carne são exemplos destes suplementos que podem ser muito bem-vindos à dieta, desde que sejam produtos de qualidade (de marcas sérias e com boa lista de ingredientes) e estejam inseridos na rotina de forma inteligente. Usar uma dose alta de proteína em pó como um pré-treino imediato, por exemplo, pode ser um "tiro no pé", já que nessa circuntância precisamos de suplementos de rápida absorção e fácil digestibilidade, como um carboidrato. Da mesma forma, incluir uma dose padrão de whey protein à uma refeição já alta em proteínas (como um almoço com carnes, por exemplo) é algo desnecessário, dinheiro colocado fora, visto que temos um limite/hora para absorção do nutriente.

Os suplementos proteicos podem ser utilizados por atletas, praticantes de exercício físico e sedentários, isto é, por quase todo mundo. Assim como você pode optar por peito de frango com o intuito de obter proteína no jantar, você pode optar por tomar um shake proteico no café da manhã indo pro trabalho com o objetivo de ingerir uma quantidade adequada de proteínas de forma prática e com sabor adocicado (o que pode ser uma preferência individual). Ainda, temos diversas versões de proteína em pó sem sabor, sendo estas aptas para preparos salgados como sopas, cremes, omeletes e etc.

A melhor forma de lidar com as informações acima é consultando com uma nutricionista para avaliação e prescrição eficiente. No final do texto, indico marcas que se propõem a produzir produtos clean label (mais "naturebas").

Abaixo, os suplementos disponíveis no mercado e suas aplicações.


bebidas proteicas

  • Whey protein:

As proteínas do soro do leite são "as queridinhas" há muito tempo, pelo bom perfil de aminoácidos que contribui para formação de músculos e outros tecidos.

Pode ser encontrado na forma concentrada, isolada e hidrolisada.

O concentrado tem menor percentual de proteína do soro de leite e mais caseína (uma proteína com maior potencial alergênico), carboidrato (incluindo lactose) e gordura. A versão isolada concentra mais proteína do soro e tem baixa concentração de lactose, sendo bem aceita em alguns casos de intolerância, de qualquer forma faz-se importante analisar as alegações do rótulo do produto. A versão hidrolisada, além de ter uma ótima concentração de proteínas do soro e ser isenta em lactose, apresenta ótima digestibilidade, pois as moléculas apresentam-se já "pré-digeridas".

- indicações: para pessoas que consomem lácteos e necessitam adequar ou aumentar a ingestão diária de proteínas;

- aplicações: diluído em água, diluído em leite, em preparos rápidos (como vitaminas e mingaus) e para uso culinário (como bolos, por exemplo);

- contraindicações: em alguns casos de intolerância a lactose, para alérgicos à proteína do leite de vaca e para aqueles que seguem dieta vegana;

- obs: algumas marcas hoje em dia oferecem a versão que passa pela tecnologia clear que retira o aspecto leitoso do suplemento, melhorando a aceitação dele por algumas pessoas.

  • Proteína vegetal:

A proteína vegetal comumente é obtida da ervilha, arroz, amêndoa e/ou girassol.

Como os alimentos vegetais geralmente apresentam mais de um aminoácido e menos de outro, é comum encontrar misturas proteicas, o que é muito bem-vindo para que o suplemento entregue um bom perfil de aminoácidos essenciais.

Atualmente, a da ervilha vem chamando bastante a atenção por apresentar boas concentrações de valina, leucina e isoleucina, o trio que fez muito da fama do whey protein.

- indicações: para pessoas que necessitam adequar ou aumentar a ingestão diária de proteínas, interessante para aqueles que sentem desconforto intestinal com o uso do whey protein;

- aplicações: diluída em água, diluída em leite, em preparos rápidos (como vitaminas e mingaus) e para uso culinário (como bolos, por exemplo);

- contraindicações: em caso de sensibilidade à algum componente da fórmula;

- obs: essa proteína tem uma consistência mais arenosa e tende a ser mais rejeitada por quem já é adepto do whey (por aspectos como diluição e sabor).

  • Proteína da carne:

A proteína da carne é menos popular que o whey protein, mas apresenta também um ótimo perfil de aminoácidos.

- indicações: para pessoas que consomem carne e necessitam adequar ou aumentar a ingestão diária de proteínas;

- aplicações: diluída em água, diluída em leite, em preparos rápidos (como vitaminas e mingaus) e para uso culinário (como bolos, por exemplo);

- contraindicações: para aqueles que seguem dieta vegetariana;

- obs: poucas marcas produzem esse suplemento.

  • Colágeno bodybalance:

A tecnologia bodybalance garante um colágeno hidrolisado em peptídeos padronizados com baixo peso molecular e com bom perfil de aminoácidos. É um produto diferente de um colágeno comum e que vem se destacando pela boa digestibilidade e completa diluição.

- indicações: para pessoas que consomem carne e necessitam adequar ou aumentar a ingestão diária de proteínas, muito interessante para aqueles com o intestino mais sensível (que incham com facilidade);

- aplicações: diluído em água, diluído em leite, em preparos rápidos (como vitaminas e mingaus) e para uso culinário (como bolos, por exemplo);

- contraindicações: para aqueles que seguem dieta vegetariana;

- obs: algumas marcas oferecem o suplemento na forma de chá (para ser bebido quente ou gelado), o que pode facilitar a adesão.


Marcas que gosto e indico:

- Nutrify (adoro o whey, mas o collagen pro e as proteínas vegetais da linha vegan tasty tem sido um sucesso entre os pacientes). Para 10% de desconto no site da marca, use o cupom julialorenzon;

- PuraVida (tem opções de whey "não leitoso" - que parecem suquinho - bem gostosas). Para 10% de desconto no site da marca, use o cupom 11095;

- EssentialNutrition (adoooro o whey sabor capuccino e a proteína da carne sabor chocolate deles).


Gostou destas informações? Espero ter ajudado. Mas lembre-se: converse com sua nutri, consulte uma. Estas orientações são generalistas e não substituem uma consulta com profissional de saúde.

Para me deixar mais feliz, curte aqui embaixo no coração e encaminha este conteúdo para aquela pessoa que se interessa pelo assunto. :)


Com carinho,


Nutricionista Júlia Lorenzon

76 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page